Chef apresenta 50 novos pratos da Confraria da Cerveja

Postado 3 de julho de 2015 às 19:45 hs

TV Web com edição do ZDA

111

Um dos mais requintados e tradicionais restaurantes de Barreiras, a Confraria da Cerveja, ofereceu um jantar à imprensa de Barreiras, na noite de terça-feira, 30, para apresentação do chef João Freitas, que assume o comando da cozinha da casa. Durante o encontro, o chef ofereceu parte do novo cardápio que já está disponível para degustação.

Com pouco mais de 2 meses no município, Freitas afirmou aos veículos de comunicação presentes que esse período foi de reconhecimento do seu público alvo e que alguns dos mais de 50 novos pratos foram adaptados para o paladar da região.

222

Para o antepasto, o restaurante ofereceu ao profissionais de mídias carpaccio de salmão defumado com queijo grana padano. Preparado com um molho de azeitonas e castanhas, o prato de sabor suave, pode ser degustado antes dos pratos de entrada.

Já o parmantier de legumes com cogumelos frescos é uma ótima opção de entrada. Com sabor delicado, suave, textura cremosa e aroma convidativo, o prato agrada até aos que não gostam de legumes.

333

O menu de petiscos é outra especialidade. A costela ao molho de cerveja preta acompanhada de uma deliciosa e crocante farofa de panko é uma delícia. Após ser deixada em reserva por dois dias no tempero e no molho de cerveja preta, a carne é assada em fogo baixo por cerca de duas horas e o resultado é uma costela que derrete na boca e que se encaixa perfeitamente com a textura crocante da farofa.

O grand finale da degustação por parte dos comunicadores sociais ficou por conta do bacalhau servido com purê de batata doce. A combinação é um primor de sabores.

Comentários
0

Vereador Tito é recebido pelo desembargador Clésio Rosa em Barreiras

Postado às 16:30 hs

Tito

O presidente da Câmara de Municipal de Barreiras, vereador Tito foi recebido em audiência na manhã de quarta-feira (01/jul) pelo desembargador presidente da Câmara Especial do Extremo Oeste do Tribunal de Justiça da Bahia, Clésio Rômulo Carrilho Rosa. A conversa amistosa a nível institucional possibilitou o conhecimento mútuo das ações dos dois poderes, e aproximou as instituições. "Dialogamos ainda sobre a atuação do Poder Judiciário Estadual em Barreiras, bem como sobre os trabalhos e planejamentos da Câmara Municipal", afirmou Tito.

Comentários
0

“Um Estado de lutas e labutas”, por Gervásio Lima

Postado 2 de julho de 2015 às 18:52 hs

2 de julho de 1823, tropas portuguesas são derrotadas na Bahia. O episódio, além de marcar as lutas de independência do Brasil, motivou a criação de um feriado onde se comemora a Independência da Bahia.

Fatos históricos servem para quebrar o paradigma de que o baiano é um povo sossegado. Os levantes e outros tantos significativos episódios de luta que ocorreram em diversos momentos na história da Bahia, principalmente os que aconteceram entre os séculos XVI e XX, apresenta o Estado com o maior número de acontecimentos em prol das liberdades. Entre os movimentos estão, a Revolução Liberal de 1821, que exigia uma Constituição para o país, Levante dos índios Tupinambás, que ocorreu entre 1617 e 1621, durante o Período Colonial, quando os indígenas lutaram contra a escravização por parte de brasileiros e lusitanos e a Revolta dos Malês, uma mobilização de escravos de origem muçulmana, na cidade de Salvador, em 1835, onde os escravos africanos, de religião islâmica se organizaram em torno de propostas radicais para libertação dos demais escravos africanos que fossem muçulmanos. “Malê” é o termo que se utilizava para referir-se aos escravos muçulmanos.

Por tanto, a Bahia não se resume em festas e músicas com letras que abusam de vogais. O Estado contribuiu e ainda contribui, muito, com o Brasil, tendo sido um dos mais combativos da história, desde o período colonial. Na Bahia a luta pela Independência veio antes da brasileira, mas só se concretizou quase um ano depois do 7 de setembro de 1822.

Ao contrário do grito às margens do Ipiranga, que ocorreu de forma pacífica, na Bahia ocorreu muito derramamento de sangue na tentativa da província se ver livre do domínio português. Foi no município de Cachoeira, no recôncavo baiano que ocorreram os primeiros passos para a consolidação da independência do Brasil em relação a Portugal. Durante o século XIX, em 25 de junho de 1922, a cidade se projetou para a história política do país, com as lutas contra as tropas canhoneiras portuguesas que tentavam sitiar a vila com o objetivo de sufocar a mobilização popular contra a dominação colonial. Assim, os moradores de Cachoeira decidiram pela a proclamação do príncipe Dom Pedro I como regente. O movimento foi considerado um marco para a verdadeira Independência do Brasil, que teria ocorrido no dia 2 de julho de 1823 e não em 7 de Setembro.

Os feriados significam algo mais do que apenas um dia de folga, mas a maioria das pessoas desconhece o significado das datas e sobre as suas importâncias para a história e até mesmo para suas vidas. O Brasil possui diversas datas comemorativas, algumas justas e outras consideradas injustas. Nos municípios brasileiros predominam os feriados santos, principalmente dos seus padroeiros ou padroeiras, mas, também, em quase que em sua totalidade, as cidades decretam feriado nas datas que marcam suas emancipações políticas, dia considerado, e de fato é, o momento que se concretiza a “Independência Municipal”.

O feriado é muito mais que um dia inútil, ele tem o objetivo, além do descanso, de lembrar a sociedade o motivo da homenagem; é um dia para reflexão.

Viva o 2 de julho!

Viva a Bahia!

Por Gervásio Lima

Jornalista e historiador

Comentários
1

‘Já encontrei escravos até em fazendas de deputados’, diz fiscal do MT

Postado às 16:56 hs

fiscal

Quando perguntam a Marinalva Dantas, ex-chefe da Divisão de Articulação de Combate ao Trabalho Infantil do Ministério do Trabalho,  quantos trabalhadores escravos ela libertou no Brasil, ela diz: "Pessoalmente, resgatei 1,5 mil pessoas. Com outros colegas, foram mais de 2 mil".

Os números podem estar subestimados. O recém-publicado livro A Dama da Liberdade - Editora Saraiva, do jornalista Klester Cavalcanti, diz que 2.354 foram libertadas desde 1995 - parte deste número em operações lideradas por Marinalva como fiscal do Ministério do Trabalho.

Todos estes casos ocorreram em zonas rurais, em fazendas de Estados das regiões Centro-Oeste e Norte do país, onde há pouco controle sobre as relações de trabalho e muitos abusos.

Nascida em uma família pobre e criada por tios que tinham uma situação financeira melhor, Dantas diz que escolheu sua profissão ao ser confrontada com cenas de miséria.

Aos 61 anos, ele diz, em entrevista à BBC Brasil, que seu trabalho afetou negativamente a vida de seus filhos e seu casamento, mas garante que também lhe trouxe muitas satisfações.

Marinalva Dantas conta que as cenas mais chocantes que guarda na memória envolvem crianças. "Imagine um menino trancado em uma propriedade, sem saber como é o resto do mundo. Ele só conhece aquele pequeno espaço onde seus pais e ele trabalham. Cresce ali dentro e não sabe que existem casas de tijolos, com brinquedos, música e pão", relata.

Na entrevista ao jornalista Gerardo Lissardy, a fiscal conta que denunciou o caso de um homem que foi castigado por pedir um copo d'água e que, certa vez, chegou a encontrar escravos em fazendas de deputados, inclusive de um presidente de uma Assembleia. Leia a matéria na íntegra.

Comentários
0

Projeto social de Luís Eduardo Magalhães concorre prêmio nacional

Postado 1 de julho de 2015 às 17:23 hs

O Instituto Recicla, de Luís Eduardo Magalhães, na região Oeste, é a única instituição do interior da Bahia selecionada para a 12ª edição do Prêmio Innovare, na categoria Justiça e Cidadania. A entidade está concorrendo ao prêmio com o projeto Capacita Jovem, que promove o resgate da cidadania e a inclusão de jovens no mercado de trabalho, afastando-os das ruas e da criminalidade.

Para prosseguir na disputa, a entidade recebe no dia 09 de julho, em sua sede no bairro Florais Léa, a visita de entrevistadores do Instituto de Pesquisas Datafolha. O objetivo desta segunda fase é a entrevista com vistas a auditar e confirmar toda a veracidade dos projetos e autores inscritos.

A entrevista do Datafolha vai abordar diversos aspectos acerca do projeto, como ideia, aplicação, funcionamento na prática e abrangência, demonstrando a contribuição do projeto para a justiça e a cidadania no país. Feita a entrevista e a filmagem, todas as informações serão transmitidas ao Instituto Innovare. Somente após esta etapa, a instituição poderá participar da final.

Para a presidente do Instituto Recicla, Adriana Santos da Mota, o sentimento é de alegria e de expectativa. “Quando recebi o e-mail do Instituto Datafolha, não acreditei. Achei que era trote. Demorou para cair a ficha, mas agora estamos ansiosos com a vinda dos entrevistadores e orgulhosos por este reconhecimento. Ainda que a gente não ganhe, trata-se de valorização do nosso trabalho em nove anos de história do Instituto Recicla”, disse.

Instituto Recicla

Em nove anos de atuação no município de Luís Eduardo Magalhães, o Instituto Recicla já realizou mais de 4 mil atendimentos. Atualmente, a entidade atende 290 jovens, que participam dos projetos Capacita Jovem, Jovem Aprendiz e Recicla Music. Outros 70 estão na fila de espera, aguardando atendimento. O Instituto Recicla foi selecionado e está concorrendo ao Prêmio Innovare, na categoria Justiça e Cidadania, com o projeto Capacita Jovem. A iniciativa tem por finalidade a inclusão dos jovens excluídos no mercado de trabalho, especialmente aqueles de famílias carentes, que possuem dificuldades financeiras para buscar um curso particular. Os jovens chegam ao Instituto Recicla por encaminhamento do Conselho Tutelar e do Centro de Referência e Assistência Social (CRAS). Por meio da indicação e convênio do Instituto Recicla com várias empresas da cidade, o jovem conquista o seu primeiro emprego. Além da colocação no mercado de trabalho, a entidade promove o resgate da cidadania, auxiliando no processo para obtenção dos documentos pessoais de identificação.

Prêmio Innovare

Em sua 12ª edição, o Prêmio Innovare visa premiar e disseminar práticas inovadoras que aumentem a qualidade da prestação jurisdicional e contribuam com a modernização da Justiça Brasileira, valorizando as iniciativas de magistrados, membros do Ministério Público estadual e federal, defensores públicos e advogados públicos e privados de todo o Brasil. Realizado consecutivamente desde 2004, o Prêmio Innovare recebe inscrições oriundas de todos os estados do Brasil, de todas as instâncias e esferas da Justiça Brasileira.

Em razão da resolução do Conselho Nacional de Justiça (CNJ) na edição do Prêmio Innovare, os vencedores não recebem mais premiações em dinheiro, mas apenas o troféu e as menções honrosas, distribuídas em todas as categorias. Com a participação das maiores autoridades brasileiras, a cerimônia de premiação ocorre em dezembro deste ano.

O "pensamento binário" resumiu o debate acerca da criminalidade no Congresso Nacional à redução da maioridade penal. A ideia propalada por setores conservadores da sociedade é que prender jovens infratores seria a única, lógica e imediata solução contra a violência no Brasil. O projeto Recicla é mais uma das tantas provas que existem vários caminhos e inúmeras alternativas para tratar do mesmo problema. De acordo com alguns colaboradores do instituto, nos 9 anos de existência do projeto, o índice de reincidência criminal dos atendidos é quase zero. Viva o povo brasileiro, que resiste bravamente a surdez da classe política! Viva o Recicla e seus colabores pelo serviço prestado à comunidade de Luís Eduardo Magalhães! Salvem os meninos e meninas do Brasil da impunidade, corrupção e injustiça social! (Fernando Machado)

Comentários
0

Bom Jesus da Lapa ganha “ambulâncha” do Samu

Postado às 13:07 hs

Ambulancha

O atendimento de emergência à população ribeirinha de Bom Jesus da Lapa ganha um reforço nesta semana. Uma ambulâncha passa a integrar o Serviço de Atendimento Móvel de Urgência da cidade, o Samu 192. A embarcação foi adaptada e vai servir a uma população de cerca de 70 mil habitantes. Além de dar atendimento no local, faz-se o suporte assistido e regulado pelo Samu. “Se antes o Samu não atendia diretamente à população ribeirinha, essa realidade muda com a entrega da ambulâncha", afirma o prefeito do município, Eures Ribeiro. “A ambulâncha do Samu esta equipada para prestar atendimento no local. Dessa forma, o cidadão que mora em uma comunidade isolada pelo rio poderá contar com atendimento pré-hospitalar em casos de urgências”, afirma o secretário de saúde, Marcélio Magno.

Comentários
0

Lídice da Mata defende debate sobre projeto de José Serra

Postado às 13:05 hs

Ao comentar no plenário do Senado Federal a votação do projeto de lei que altera a legislação para abolir a participação obrigatória da Petrobras na exploração do petróleo, a senadora Lídice da Mata (PSB-BA) destacou que o mais importante é que a maioria dos senadores tomou a decisão de não votar a matéria apressadamente, dada a importância da mudança que a proposta acarreta à Petrobras, “patrimônio brasileiro, com muitos serviços prestados e ainda a prestar para a economia do País”. Segundo a parlamentar baiana, “seria uma postura antidemocrática do Congresso, votar apressadamente uma proposta que está a menos de um mês em debate no Legislativo, sem levar em conta a construção de outro debate, que levou muito tempo, que foi o da votação da lei da partilha dos royalties”. O projeto, de autoria do senador José Serra (PSDB-SP), foi tema de sessão temática na terça-feira, 30, no Senado. Ao citar o exemplo da forma apressada com que foi votado na Câmara dos Deputados o projeto de reforma política, Lídice mais uma vez condenou a votação de qualquer proposta sem amplo debate.

Comentários
0
Página 1 de 20812345...102030...Última »

Publicidade


Clima Tempo

Previsão | Barreiras-BA
Max
Min

Últimos Comentários

  • Bobô da Bahia: Em tempos de Eduardo Cunha e do Legislativo Nacional mais narcisista (prá usar um eufemismo bem suave) de todos os tempos, vale dizer...
  • Ortegina Guimarães dos Santos: Fernando ZDA,vc juntamente com os esses veradores da oposição precisam URGENTEMENTE ir na Secretária de Ação Social e ver...
  • Hermantno Queiroz dos Santos: Querido blogueiro Fernando ZDA,aproveito essa matéria da minha cidade que moro Riachão das Neves e sendo um um fá de sua...
  • Antonio Xavier: Com certeza Adalto aprontando uma das suas. Quanto foi gasto no são joao do parque que esse cara inventou? Prefeito, abra o olho…
  • Nuvem de Tags

    Redes Sociais